Pitching LAB

Trenamento de pitch para o mercado internacional.

Apresenta
British Council

programa pitching lab

5 de outubro | 10h00-13h00 | 14h30-18h00

O Laboratório de pitching e de introdução ao mercado audiovisual do Reino Unido busca oferecer ferramentas práticas para estruturar a apresentação de projetos de documentário para o mercado internacional.A representante da equipe de Sheffield Doc/Fest, Sylvia Bednarz, e a coordenadora de capacitação e mercado do DOCSP, Mariana Oliva realizarão em conjunto uma consultoria para estruturar a apresentação de 5 projetos brasileiros.

O laboratório será em inglês.

Após o workshop haverá uma apresentação informal de pitching para um painel de convidados que darão um feedback e selecionarão o projeto ganhador.

Sylvia Bednarz

Sylvia Bednarz (UK) Pertence à equipe do Sheffield Doc/fest Ahead desde 2013, Sylvia trabalhou com fomes de documentários e produção de TV, iniciou sua carreira trabalhando com um documentário de longa-metragem T”he Age of Stupid”. Ele ingressou na Current TV como produtora associada, trabalhando em áreas como commissioning editor até a gestão de documentários unitários e de séries, que abrangia um escopo desde o desenvolvimento até a exibição. No Sheffield Doc/Fest Sylvia desenvolve parcerias pelo Reino Unido e também internacionalmente com marcas e outras organizações da indústria.

Mariana Oliva

Mariana Oliva (Brasil) é diretora e produtora com mestrado em documentário pela Universidade de Edimburgo. Articulou a produção e distribuição da serie Why Poverty (2013), na América Latina, exibida em mais de 60 países. Pela TAL coordenou nove coproduções internacionais entre canais de serviço público, que envolveram 30 canais de mais de 20 países. Seu primeiro longa-metragem “Piripkura” (2017) estreia em competição na Première Brasil, do Festival do Rio de Janeiro. Diretora da série documental “Trabalhar Pra Quem?” (2016) premiada no festival Prix Jeunesse Iberoamericano (2017). Mariana foi curadora da série Documentários de Invenção (2015) para o Canal Curta! e da serie Miradas (2014) para Canal Brasil. É coordenadora dos labs e do mercado do DOCSP.

PRÊMIO

O projeto ganhador receberá um prêmio que consiste em uma passagem aérea BR-UK para participar do Sheffield Doc/ Fest 2018, um passe para o festival, e um acesso prioritário às rodadas de negócios com tomadores de decisão internacionais do Meet Market.

LOCAL

Unibes Cultura, rua Oscar Freire 2500, SP

INSCRIÇÕES

Aberto para projetos de documentário do Brasil: AQUI

Pre-requisito: falar inglês.

Quantidade de vagas : até 5 projetos.

Encerramento: 25 de setembro.

Comunicação dos projetos selecionados: 28 de setembro.

A seleção será feita pelas tutora do laboratório, com base no projeto e no teaser. O ingresso é gratuito.